Marketing X Automobilismo: Divulgação

Marketing X Automobilismo: Divulgação

Quantos pilotos existem no Brasil? Quantos você já ouviu falar? Com certeza são resultados bem diferentes, não é? Isso é decorrente da falta de comunicação, tanto dos organizadores quanto das próprias equipes.

Ainda no fim de semana passado, estive no Autódromo Internacional de Curitiba acompanhando dois grandes amigos: Andrei e Ruslan Carta, da equipe Soft Alarmes Automotivos, que disputam o campeonato regional de marcas.

A modalidade é uma das mais emocionantes e competitivas que acompanhei esse ano, mas é frustrante ver 30 carros alinhados no grid e 15 pessoas na arquibancada… Também pudera! Eu nunca vi divulgação nenhuma sobre a categoria.

Claro que os participantes do evento também são publico alvo mas, para os patrocinadores, quanto mais gente, melhor! É uma continha básica: mais público = mais retorno = mais patrocinadores = mais sucesso do evento.

Existem diversas formas de comunicar o público sobre os eventos realizados, desde os mais caros (assessoria de imprensa e cobertura contratada de TV) quanto os mais acessíveis (cartazes, panfletos e e-mails). Então vamos falar dessas opções básicas.

Cartazes
Um cartaz A3 não custa mais que R$ 3,00. Se a produção for maior, o custo cai consideravelmente. Portanto produzir alguns cartazes com informações sobre o evento e colocar em locais de grande concentração de público é uma boa opção. Melhor ainda se o organizador produzir os cartazes e fornecer para os participantes distribuírem (mesmo que seja facultativo).

Panfletos
Da mesma forma que o cartaz, o panfleto também tem custo baixo de produção (em torno de R$ 300,00 / 5 mil unidades) e pode ser colocado em diversos locais. Chama menos atenção que o cartaz, mas tem uma grande vantagem: Pode levar para casa.

Site
Com a facilidade de acesso à internet, um site passa a ser fundamental para facilitar a comunicação com o público. E ainda possibilita a comunicação de ambos os lados, ou seja, além de disponibilizar informações sobre os eventos, podemos coletar informações dos internautas.

Mas é fundamental mantê-lo atualizado. Como a internet é um veículo muito rápido, resultados, fotos e notícias sobre os eventos devem ser publicados o mais rápido possível.

E-mails
Mais simples que um site, podemos mandar e-mails para nossos amigos com as informações básicas do evento, como data, local e programação. Esses, por sua vez, podem encaminhar a mensagem para outras pessoas, fazendo uma divulgação parecida com o “boca a boca”.

Esta é uma receita simples para pilotos, equipes e organizadores, mas com certeza pode melhorar significativamente o público presente nos eventos.

Deixe uma resposta